Facebook
arte-clima-guanhaes

Prefeitura apresenta projeto de novo canil

projeto canil prefeitoCães abandonados nas ruas em breve terão um local digno para viver enquanto esperam pela adoção. Sensibilizado com a questão, o prefeito Ladinho solicitou que um novo canil seja construído. O projeto foi apresentado pelo prefeito e a arquiteta da Prefeitura, Elcileine Braga, no início desta semana aos membros da ARPAC- Associação de Resgate e Proteção aos Cães de Guanhães. O prefeito está muito satisfeito com o projeto e espera que o problema seja resolvido.

De acordo com a arquiteta, o novo canil terá quatro baias, sendo uma para machos, outra para fêmeas, uma para cães doentes e outra para filhotes. Haverá, ainda, uma área para pequenas cirurgias, cozinha, depósito de ração, farmácia e recepção. A área total construída é de 275 metros quadrados. “O projeto segue as normas exigidas por lei e contempla os requisitos mínimos para acolher os cães”, informou Elcileine.

Para a construção do canil, uma parceria foi firmada entre Prefeitura e ARPAC. A Prefeitura vai construir a obra em um local disponível na Garagem Municipal e a gestão do canil ficará a cargo da Associação. Assim que o canil estiver pronto, uma campanha de conscientização contra o abandono e incentivo à adoção de cães será realizada.

De acordo com o presidente da ARPAC, Wander José da Silva, a Associação irá recolher os cães das ruas, avaliar a saúde de cada um, vaciná-los e alimentá-los até que sejam adotados ou que os donos apareçam para recolhê-los. “Se não aparecer ninguém, o cão ficará morando no canil até os últimos dias de sua vida. Ele não voltará para as ruas”, garante o presidente, observando que a Associação possui 22 voluntários, entre eles veterinários, todos sensíveis à causa. “Era meu sonho ajudar a resolver esse problema”, revelou Wander.

O presidente da ARPAC destaca, ainda, que além dos recursos que a Prefeitura vai destinar por meio de convênio com a Associação, a comunidade também poderá colaborar, ajudando com remédios e ração. “É preciso que as pessoas também denunciem os casos de abandono, pois quem abandona cachorros nas ruas comete crime e é cúmplice de uma série de transtornos como, acidentes e transmissão de doenças”, alerta Wander.

canil 1

canil 3