Facebook
arte-clima-guanhaes

Vigilância Sanitária organiza treinamento sobre manipulação de carnes

convite carnes

Confira os resultados dos jogos do fim de semana

Mais uma rodada do Campeonato da 1ª Divisão esquentou o Caldeirão neste fim de semana. Pelo Grupo B, no sábado, dia 02, o Alvorada venceu o Nova União com uma goleada de 4 a 0. A outra partida foi entre Guarani e Barreira, vencendo o Guarani por 3 a 0.  A rodada do domingo, 03, foi pelo grupo A. Houve empate de 2 a 2 entre Polivalente e Juventude. Em seguida, o Grêmio venceu o Hawai por 1 a zero. 

Prefeitura apoia a realização do “1º Open Gracie de Jiu-jitsu”

a opengracieUma prática esportiva que está mudando a vida de muita gente em Guanhães. O jiu-jitsu chegou para ficar e a prefeitura é grande apoiadora dessa ideia. No sábado, dia 02, o prefeito Ladinho, a secretária municipal de Assistência Social, Darli Barroso Pereira, e os secretários de Esporte e Lazer, Gilmar Padilha, de Saúde, Dezinho Ventura, e de Cultura e Turismo, Adriano de Oliveira, prestigiaram o 1º Open Gracie de Jiu-Jitsu”, realizado no Ginásio Poliesportivo.

Mais de 40 crianças e adolescentes do CRAS participaram do torneio. “O jiu-jítsu vem afirmar uma série de valores que têm mudado a vida de muitas crianças e adolescentes de Guanhães”, ressaltou a secretária Darli Barroso Pereira. O prefeito elogiou o organizador do torneio, Alexandre Xuxa. “O trabalho dele tem sido destaque em toda a região. Guanhães precisa de mais gente com uma iniciativa dessas”, elogiou o prefeito.

 

Mais informações e fotos aqui.  

 

 

Prefeitura realiza exames de vista nas escolas

olhar3Nesta segunda-feira, 28, a Secretaria Municipal de Saúde deu início ao programa “Olhar Brasil”, em Guanhães. Profissionais da saúde estão nas Escolas Estaduais Odilon Behrens e Altivo Coelho, realizando o teste de acuidade visual, ou seja, uma avaliação que detecta deficiências visuais.

“Todos os alunos das escolas visitadas farão o teste. Os que não passarem vão receber uma consulta gratuita com um oftalmologista. Caso o estudante precise de cirurgia ou de óculos, ele também será beneficiado”, explica o coordenador de PSFs, Flávio Calvete. Outra escola visitada será a Altivo Coelho, na terça, quarta e quinta-feira.  O programa será levado, em seguida, às escolas municipais, em datas a serem divulgadas.

De acordo com informações do site do Ministério de Desenvolvimento Social, o projeto propõe-se a atuar na identificação e na correção de problemas de visão em alunos matriculados na rede pública de ensino da Educação Básica, priorizando, inicialmente, o atendimento ao Ensino Fundamental (1ª a 8ª série/1º ao 9º ano), em alfabetizandos cadastrados no programa “Brasil Alfabetizado”, participantes do programa “Mulheres Mil” e na população com idade igual ou acima de 60 anos.

A implementação desse projeto visa reduzir as taxas de evasão escolar decorrente de dificuldades visuais, facilitar o acesso à diversidade de contextos sociais e, também, garantir melhoria na qualidade de vida destes cidadãos.

MAIS INFORMAÇÕES: 3421-2847, na Secretaria Municipal de Saúde.

olharbrasil

Programa Olhar Brasil começa na segunda-feira

Na próxima semana, a Secretaria Municipal de Saúde dá início ao programa “Olhar Brasil”, em Guanhâes. Profissionais da saúde do município estarão de segunda a sexta-feira, a partir das 8 horas, na Escola Estadual Odilon Behrens. Outra escola visitada será a Altivo Coelho, na terça, quarta e quinta-feira.  O programa será levado em seguida às escolas municipais, em datas a serem divulgadas.

De acordo com o coordenador de PSFs, Flávio Calvete, as equipes da Saúde do município estarão nas escolas serão realizando o teste de acuidade visual, ou seja, uma avaliação que detecta deficiências visuais. “Todos os alunos das escolas visitadas farão o teste. Os que não passarem no teste vão receber uma consulta gratuita com um oftalmologista. Caso o estudante precise de cirurgia ou de óculos, ele também será beneficiado”, explica o coordenador.

De acordo com informações do site do Ministério de Desenvolvimento Social, o projeto propõe-se a atuar na identificação e na correção de problemas de visão em alunos matriculados na rede pública de ensino da Educação Básica, priorizando, inicialmente, o atendimento ao Ensino Fundamental (1ª a 8ª série/1º ao 9º ano), em alfabetizandos cadastrados no “Programa Brasil Alfabetizado”, participantes do programa Mulheres Mil e na população com idade igual ou acima de 60 anos.

A implementação desse projeto visa reduzir nas taxas de evasão escolar decorrente de dificuldades visuais, facilitar o acesso à diversidade de contextos sociais e, também, garantir melhoria na qualidade de vida destes cidadãos.

MAIS INFORMAÇÕES: 3421-2847, na Secretaria Municipal de Saúde.

 

Prefeitura faz alerta contra abandono de animais de estimação

adocao-de-animais-sitePara muitas pessoas, um animalzinho de estimação é tratado como um membro da família. Mas, infelizmente, existem muitos donos de cães e gatos que simplesmente abandonam seus animais nas ruas, mesmo sendo considerado um crime previsto na Lei Federal nº 9605/98. Por isso, a secretaria municipal de Saúde, por meio da Vigilância Sanitária, faz um apelo aos donos de animais de estimação contra o abandono.

“Ao decidir ter um animal de estimação, é importante ter responsabilidade e a consciência de que ele vai mudar a rotina da família, precisar de um cantinho, carinho e atenção, além de causar sujeira, barulho e exigir cuidados especiais como banho, vacinas e passeios”, destaca a veterinária da Vigilância, Paula Campos.

O número de animais abandonados em Guanhães e cidades vizinhas à procura de um lar é notório. Nas ruas, esses errantes tornam-se um transtorno à população e um problema de saúde pública. “A questão é mais complexa do que se imagina”, observa a veterinária, citando que, por lei, o município não pode simplesmente capturar e sacrificar todos esses animais.

Para amenizar o problema, uma das ações da Vigilância Sanitária tem sido recolher os animais doentes, os que são vítimas de atropelamento e levá-los a uma clínica conveniada para que recebam o devido tratamento. “Lá o animal é analisado e atendido”, explica Paula. Segundo ela, quando a doença for terminal e sem cura, o indicado é a eutanásia. “Os que não são sacrificados, passam por tratamento, são vacinados e curados, e ficam à espera da adoção”, conta.

Outro procedimento realizado pelo convênio com a clínica é a castração de cães errantes (machos e fêmeas), evitando que eles se multipliquem e o problema aumente. Para se ter uma ideia, uma cadela, em seis anos de vida reprodutiva, pode gerar 100 descendentes, enquanto que, uma gata, em dois anos, pode gerar 200 descendentes.

Para mais informações, ligue: 3421-2847 e peça para falar na Vigilância Sanitária.